De novo você por aqui?

large (7)

Oi. Faz tempo que você não aparece por aqui. Achei que já tivéssemos resolvido tudo. Sei que isso parece meio irônico, já que você nem está aqui de verdade, em carne e osso. Se estivesse, provavelmente eu diria “Olha, não é por nada não, mas você precisa se decidir: ou vai, ou fica“. Mas o que dizer para a minha mente, quando mal posso controlá-la? Combinamos de que eu iria te superar e ela deixaria meus sentimentos intactos. Me esqueci que essa função não a pertencia. De certa forma sempre acreditei que pensamento tem um poder muito maior do que a gente possa imaginar, e você apenas comprovava isso aparecendo alguns dias depois de surgir por aqui – nos meus pensamentos.

Na vida tudo que acaba sempre tem um ponto final, mas, inacreditavelmente, quando eu achava que havia colocado a pontuação certa, você surgia me mostrando uma vírgula ou, pior, uma reticências. Tem coisa mais chata do que esses três pontinhos dos quais a gente nunca sabe o que esperar?

Hoje sei que a vida anda e as pessoas podem voltar a aparecer com uma papel diferente na nossa história. Isso se chama superar. Com você também sempre foi assim, mas diferentemente de todos os outros, você vinha com toda essa bagagem mostrando que as situações eram realmente diferentes, mas que a conexão continuava sendo a mesma. O que não significa superar, mas que eu também nunca soube nomear.

Esses dias em especial, você tem aparecido, de uma maneira diferente. Não é um sentimento neutro, não sei se um dia será. Mas é uma calmaria que há muito não sentia em relação a você. É a tranquilidade, é a paz, é a consciência limpa e a certeza de que mesmo que você não volte mais como costumava, sem ser muito melancólica, sempre vai existir aqui dentro.

Ainda me imagino rindo com você de todas as bobeiras que passaram e percebendo o quanto talvez tenhamos misturado as coisas, sabendo que você sempre vai ser a mesma pessoa pra mim. Que me aguentou muitas vezes, e muitas outras não. Que me repreendeu quando achou necessário e soube, mesmo que do seu jeito e mesmo que muito tempo depois, me ensinar a crescer e amadurecer. Talvez essa calmaria seja a resposta dessa mudança e compreensão.

Pode ser que eu nunca saiba explicar como é, mas a sensação que vem quanto penso nisso, junto com as músicas que coloquei há pouco e coincidentemente, ou não, me fazem lembrar você, só me deixam pensar que talvez junto com tudo isso também tenha vindo um dos sentimentos mais puros que eu já conheci: gratidão.

Obrigada!

Nayara Rosolen

5 comentários sobre “De novo você por aqui?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s